segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Eu sou a personificação do Criador!






Alguns dias eu sinto como se eu fosse o Criador em pessoa.


Eu olho para as pessoas e sinto um amor tão imenso. Vejo uma perfeição tão imensa. Sinto um orgulho tão imenso.


Tamanha a grandeza de cada um que me rodeia!


Cada um lutando duramente a sua própria batalha! Alguns se movendo, outros não. Alguns aceitando, outros não. Alguns gratos, outros não.


Todos, absolutamente todos, tendo novas chances a todo momento.


Todos envolvidos pelo plano divino em um jogo em que não há perdedores.


Amor é só o que há! Todo o resto é fruto da nossa resistência ao fluxo da vida, fruto das nossas crenças limitantes, fruto dos condicionamentos que absorvemos.


Não há o que se buscar. Já o somos! Só precisamos deixar ir a separação, a individualidade, o ego (medos, incapacidades, inferioridades, desamores, culpas).


Eu sinto isso em cada célula do meu corpo. 


Sinto em mim. Sinto em você.


Então, cada vez que eu te olho, esteja certo de que te vejo com os olhos Dele e estou acolhendo cada pedaço de você, cada passo que você dá, cada sorriso e cada lágrima. Estou desejando que você, finalmente, tenha percepção da sua perfeição, da sua grandeza, das suas capacidades.


Cada vez que eu te abraço e te aperto, estou chacoalhando tudo o que não serve mais, desejando que o vento leve todo esse peso extra que você carrega.


Cada vez que eu converso com você, estou procurando as palavras mais doces para despertar a sua força, para te mostrar que não é mais tempo de sacrifício, para te acordar para a soberania do seu ser.


Cada vez que eu silencio – sim, às vezes faltam-se palavras –, estou te abençoando de todo o coração, estou invocando todos os raios e te vestindo de arco-íris.


Sim, assumo: eu sou Deus em movimento, caminhando entre os homens.


E o vejo em todos os meus espelhos.

3 comentários:

  1. Somos Todos Um
    Sua mensagem me lembrou o senti quando via nas Olimpíadas os atletas competindo cada prova. Senti que era um processo pessoal, intransferível. Eles estavam superando e deixando ir seus limites. Pareciam tão internalizados! Foi muito diferente. O Ser Humano tem se transformado, mesmo sem perceber. Não há volta neste caminho, vamos em frente ✨

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Excelente reflexão! Gratidão!

      Excluir
    2. Sim, Denise!! Não há volta!
      Gratidão a todos vocês!
      <3

      Excluir